gastos de natal

5 Conselhos Para Enfrentar os Gastos de Natal e Sair Vencedor

gastos de natalAproximam-se as festas e com elas uma grande emoção própria desta época festiva. Essa felicidade faz com que muitas vezes nos excedamos nos gastos com as compras de Natal.
Durante esta temporada queremos levar alegria para os nossos entes queridos, e que melhor forma de o fazer do que oferecendo prendas? Mas é preciso ser cuidadoso, porque se cometer excessos e gastar mais do que devia, as suas finanças pessoais irão ser severamente afectadas.
Não existe uma fórmula mágica que nos permita fazer menos gastos. No entanto, há uma série de conselhos que pode colocar em prática para optimizar as suas compras natalícias e manter controladas as suas finanças pessoais.

O orçamento é o seu melhor aliado

Antes de mais nada, faça uma análise detalhada sobre o dinheiro que tem disponível. Faça um orçamento ou uma previsão e anote todos os rendimentos e depois também todos os gastos que pretende fazer.
Destine um valor aproximado para cada compra e não gaste mais do que isso. A disciplina é fundamental.

O melhor é antecipar-se

Agora talvez já seja tarde, mas se estiver dentro das suas possibilidades, procure realizar as suas compras com antecedência. Por vezes os negócios costumam aplicar descontos precisamente antes das festas de Natal ou da Passagem de Ano. Se ainda for possível compre a maioria dos artigos com pelo menos duas semanas de antecedência destas festas.

Compare

Aproveite o facto de os comércios aumentarem a sua oferta de produtos e os saldos nesta época. Recomendamos que pesquise as várias opções e que compare os preços.
Escolha os produtos cujos preços sejam baixos, mas que também sejam de boa qualidade. Compare marcas e custos. Não perca de vista todas as promoções e ofertas, até mesmo as que estiverem apenas online. O seu bolso irá agradecer.
compras de natal

Crédito sim, mas com cautela

É muito provável que tenha pensado em usar os seus cartões de crédito para pagar as suas compras. Estes instrumentos podem ser de grande utilidade, mas apenas quando forem utilizados de forma inteligente.
Deve ter em conta que o montante disponível nos seus cartões de crédito não representa uma extensão do seu salário. Tudo o que gastar dos seus cartões terá de ser pago mensalmente e com juros. É por esta razão que os deve usar com cautela.

Controle as emoções

O Natal é uma época em que nos sentimos felizes, solidários e generosos. Mas está comprovado que as pessoas têm tendência para gastar muito mais dinheiro quando estão mais bem-dispostas.
Por esta razão é importante que controle ao máximo as suas emoções. Por exemplo, se tiver já escolhido uma prenda para uma determinada pessoa que custava um certo valor, evite as extravagâncias para comprar outra prenda mais cara apenas porque viu um “detalhe mais bonito”.
Se colocar em prática todos estes conselhos para os seus gastos de Natal e Ano Novo, estará a contribuir para terminar o ano com umas finanças pessoais mais saudáveis.
LER TAMBÉM  10 Razões para evitar as dívidas
5

Sem comentários

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.