Sem dinheiro? O que não deve fazer

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

sem dinheiroExiste imensa informação pela Internet sobre as possíveis soluções a que podemos recorrer, quando se acaba o dinheiro e ainda não recebemos o salário. Esta é uma informação importante que pode ajudá-lo a sobreviver durante este período, devendo serem consideradas todas as opções. As opções ou soluções disponíveis para todos quantos estão com dificuldades financeiras por ainda não terem ainda recebido o salário, podem-se resumir ao seguinte:

  • Contactar amigos e parentes que poderão eventualmente ajudá-lo.
  • Vender coisas que não precisa ou que já não usa.
  • Penhorar bens pessoais.
  • Procurar formas de ganhar dinheiro rápido, como serviços de babysitting ou passear cães.
  • Cortar em tudo, excepto no essencial.
  • Falar com os credores e pedir um prazo suplementar para pagar.
  • Usar cartões de presente que possa ter guardado.
  • Fazer um empréstimo pessoal.
  • Pedir um adiantamento do salário ao patrão.
  • Usar o cartão de crédito para obter dinheiro adiantado.

 

Estes são apenas algumas dicas comuns que quase todos conhecem, mas as opções possíveis dependem em grande parte das circunstâncias pessoais e do tempo que ainda falta para receber o próximo salário. O que nem todos sabem é o que não se deve fazer quando já nos encontramos nesta situação, pois poderá ser mais importante não cair em determinados erros, do que ter de recorrer a algumas soluções de recurso. Aqui ficam algumas das coisas que deve evitar quando não tiver dinheiro suficiente para chegar o final do mês:

 

Não fique aliviado quando receber o salário

A maioria das pessoas fica feliz e aliviada quando recebe o salário, de tal forma que deixam de pensar no resto, e começam a gastar o dinheiro sem se lembrarem do que passaram na semana anterior. Este é precisamente o tipo de atitude que se deve evitar. O facto de ter acontecido uma situação de emergência significa que há algo que não está bem e que é preciso resolver. Não ter dinheiro para chegar até ao final do mês é apenas um sintoma de um problema por resolver. A razão pela qual isso acontece precisa de ser resolvida rapidamente, para que não se volte a repetir.

 

Não pense que pode gastar à vontade todo o dinheiro recebido

Quando o ordenado finalmente chegar, não pense que o dinheiro pode ser todo gasto. Quando não tinha dinheiro, ainda antes de ter recebido o salário, poderia eventualmente ter pedido dinheiro emprestado ou gasto toda a comida na sua dispensa. Os custos em que teve para conseguir sobreviver precisam de ser pagos, ou seja, isso significa que o dinheiro disponível no mês seguinte irá ser menos ainda do que nos meses anteriores. Se você não considerar esses custos, irá ser maior o risco de se ver envolvido numa nova situação ainda pior depois, talvez mesmo numa situação de sobreendividamento.

 

Não pense sempre que as coisas irão ficar melhores

Não pense que as coisas irão ficar melhores e que no próximo mês não irá haver qualquer problema. Pensar que o pior já passou é um erro, que apenas o irá levar a cair ainda mais, numa pior situação financeira. Em vez disso, enfrente o problema e crie um plano de ataque, organizando um melhor orçamento familiar e procurando formas de aumentar os seus rendimentos, antes de voltar a cair na mesma situação. As coisas raramente melhoram se não tiver um papel activo nas suas finanças pessoais. Nunca deixe o seu futuro nas mãos da sorte ou do acaso.

 

Não fazer novamente o que o levou a uma situação difícil. O seu novo plano de emergência

Após ter sobrevivido uma vez à difícil situação de não ter dinheiro para chegar até ao final do mês, você deve começar a delinear um plano para actuar se tal situação acontecer outra vez. Este é um pensamento horrível, eu sei, mas a realidade é que quantas mais vezes isso acontecer novamente, mais difícil será conseguir recuperar. Só porque conseguiu sobreviver uma vez, não que dizer que é boa ideia tentar resolver as coisas sempre da mesma forma. Não deixe que esta situação se torne um hábito, em vez disso planeia cuidadosa e calmamente as suas finanças pessoais, para que nunca mais tenha de passar novamente pela mesma situação de aflição.

 

Sendo uma situação frequente ou não, evitar alguns erros comuns em que muitas pessoais incorrem, quando caem na situação de “não ter dinheiro para chegar ao final do mês”, é o primeiro passo para evitar ficar em piores lençóis. Não só é importante procurar por todas as soluções possíveis para sobreviver a esta situação, como também deve tomar medidas para que isso não se volte a repetir.

Deixe o seu comentário

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...