Quer poupar nos seus investimentos imobiliários, através do seu crédito habitação?

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

Quer poupar nos seus investimentos imobiliários, através do seu crédito habitação?Portugal tem uma das maiores taxas de habitação própria da Europa e por isso investir em imóveis é algo natural para os portugueses, seja para compra de casa própria e, ultimamente com o mercado de arrendamento em alta, para habitação própria.

Porém, dada a quantidade de clientes com que me deparo que nunca renegociaram o seu crédito, acho que muita gente não tem real noção da importância de ter dados concretos para uma comparação de créditos habitação (e na realidade outros tipos).

Lá fora vemos muitos investidores em imobiliário, que perdem horas a reflectir sobre os créditos habitação, tanto aquando da compra de um imóvel, como depois da compra, a renegociar créditos.

No entanto, os portugueses parecem não se importar tanto com estes tópicos, e assim perdem milhares de euros por ano, tanto por contrariem créditos sem a devida análise comparativa, como por nunca os renegociarem. Quando, na ArrowPlus, temos clientes que construiram portfolios imobiliários enormes sem nunca terem prestado real atenção aos seus créditos, a primeira coisa que fazemos é sugerir que consultem consultores na área, quando nós não tratamos do processo (uma vez que somos uma empresa para investimentos).

É possível ter melhores condições em diferentes bancos

Basta consultar alguns sites de comparação de créditos habitação em vários bancos. É normal bancos diferentes terem condições diferentes. Primeiro, porque essas condições dependem da política dos bancos. Segundo porque os bancos levam o seu perfil em consideração de forma diferente.

Assim, antes de adquirir um imóvel (ou contrair um crédito de qualquer espécie, na realidade) deve ter plena noção dos diferentes bancos existentes e das diferentes condições que lhe podem oferecer.

LER TAMBÉM  16 dicas para economizar energia eléctrica facilmente

O meu conselho é consultar sites deste género e posteriormente um consultor dedicado, e fazer a melhor decisão em consciência.

É possível ter melhores condições no seu crédito, se renegociar

Para se tornar um expert em negociar com bancos, recomendo-lhe o meu livro “Investir em imobiliário: do 0 ao milhão“, que é tanto adequado para investidores em imobiliário como pessoas que têm casa própria ou querem comprar uma. Mas digo-lhe já de forma aberta que é bastante possível fazê-lo!

Seja realista, no entanto. É necessário que a sua situação financeira tenha melhorado desde que contraiu o crédito, caso contrário não haverá motivos para o banco querer re-negociar a taxa. No entanto, aquilo que a maior parte das pessoas não sabe é que é bastante provável que a situação financeira tenha melhorado segundo vários aspectos. Por exemplo, mesmo que não ganhe mais dinheiro do que ganhava quando contraiu o crédito, já deve ter pago várias prestações bancárias sem nunca falhar (tanto capital como juro), o que aumenta consideravelmente o seu ranking na base de dados do banco.

Ora um ranking melhor equivale a menos risco para o banco, que deve ser refletido nas taxas de juro que o banco quer praticar no seu caso.

Desejo-lhe bons negócios e boa poupança!

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.