10 Dicas Para Organizar Suas Contas

10 Dicas Para Organizar Suas Contas

10 Dicas Para Organizar Suas ContasNão sabe o que fazer para organizar suas contas? Confira algumas dicas importantes de como planejar o uso do seu dinheiro. Não é nenhum mistério. Sabendo quanto ganha e controlando o quanto gasta, você poderá resolver seus problemas e realizar seus sonhos.

 

Criar uma planilha

Coloque todas as informações sobre gastos, ganhos (salário), reservas e investimentos em uma planilha ou em uma folha de papel, começando sempre pelos ganhos.

 

Na planilha, dividir os gastos entre fixos, variáveis e eventuais

Os fixos são os que se repetem todos os meses, cujos valores normalmente são os mesmos, por exemplo: aluguel, condomínio, IPTU, IPVA, financiamentos e TV a cabo.
Os variáveis são gastos que também ocorrem todos os meses, porém o valor varia dependendo do consumo (água, luz, telefone, supermercado etc.).
Já os eventuais são aqueles que acontecem de vez em quando, como lanchonetes, roupas e outros pequenos gastos. Tenha sempre em mãos uma caderneta para anotar os seus gastos antes de incluí-los na planilha.

 

Reservar um percentual do salário para eventualidades

Doenças, por exemplo, podem pegar você desprevenido. Por isso, reserve um percentual dos ganhos para os imprevistos. Procure uma opção de investimento adequada ao seu perfil.

LER TAMBÉM  6 Razões para ter um orçamento familiar

 

Lazer é fundamental

Reserve cerca de 5% dos seus ganhos para o lazer, pois todos têm direito a se divertir, descansar e melhorar a qualidade de vida. Essa despesa entra na sua planilha como lazer, e deve variar de acordo com a sua condição socioeconômica.

 

Invista o saldo (receita menos gastos e reservas) para aumentar o patrimônio

O saldo deve ser investido para o aumento do seu patrimônio no longo prazo, atingindo objetivos como a casa própria ou mesmo um carro 0 km.

 

Cuidado com o impulso

Reflita e analise a necessidade de determinado gasto. Se o produto ou serviço for indispensável, faça uma pesquisa de preços antes de realizar a compra. É fundamental ter visão de longo prazo.

 

Guarde bem as contas, recibos e demais papeis bancários

Mantenha recibos, contas, faturas, extratos e talões de cheques em um só armário ou gaveta. Separe uma caixa ou pasta para colocar as contas a pagar e informe a todos da casa que as contas devem ser colocadas ali assim que chegarem. Os comprovantes das contas pagas devem ficar arquivados em outra pasta.

 

Conheça as tarifas de sua conta e evite o cheque especial

Entenda como funcionam as tarifas de sua conta corrente para evitar excessos. E muito cuidado com o limite do cheque especial. Use somente em situação emergencial e por pouco tempo.

 

Atenção ao cartão de crédito

Geralmente, o produto comprado à vista é mais barato. O problema do impulso piora muito com o uso do cartão de crédito. Tenha sempre o “pé no chão”.

 

Verifique se você está gastando mais do que ganha

Ao fim do mês, faça as contas. Se os gastos estiverem ultrapassando os ganhos é preciso economizar. Comece a checar a sua planilha de baixo para cima, verificando os gastos eventuais, pois podem ser facilmente diminuídos, substituídos ou eliminados. Depois, reveja os gastos variáveis e organize uma campanha familiar para poupar energia elétrica, água e telefone. Estipule objetivos que possam ser cumpridos, como reduzir o valor dessas contas.

LER TAMBÉM  Sem dinheiro? O que não deve fazer

2

Sem comentários

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.