Como economizar energia em casa

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

como economizar

O consumo de energia é constante quando estamos em casa, e quase não damos conta disso. Hoje em dia, praticamente tudo está ligado a uma tomada eléctrica para que possa funcionar. Com efeito, estamos quase totalmente dependentes da energia e essa energia não é grátis, tem um custo que muitas vezes representa uma parte importante dos gastos do nosso orçamento familiar. Mas nem tudo está perdido, pois aplicando uma série de conselhos podemos economizar uma grande quantidade de energia, e consequentemente dinheiro. No artigo de hoje vamos ver algumas das recomendações mais inteligentes para travar esse desperdício de energia. Vamos por partes:

Aquecimento

Não abra as janelas com o aquecimento ligado. Para ventilar a casa não são precisos mais do que 15 minutos. Um erro típico é tapar as fontes de calor com cortinas, móveis ou outros elementos. É também muito interessante ter instalado um termostato para regulação da temperatura. O ideal seria não o programar para mais de 20ºC durante o inverno. Por cada grau adicional irá gastar aproximadamente mais 5% de energia. Finalmente, não se esqueça de fazer uma revisão ao estado da caldeira, pois isso aumentará a sua eficiência e duração. Também é recomendável dar uma vista de olhos à etiqueta energética. Esta é uma boa forma de calcular o custo, o consumo e as emissões de carbono da sua casa.

Iluminação

A chave está em aproveitar até ao último instante a luz natural do dia. Apague as luzes quando sair das divisões. Substitua as lâmpadas “normais” por outras de baixo consumo, pois embora isso inicialmente lhe custe mais caro, no final merece a pena. Utilize balastros electrónicos em vez de magnéticos nas lâmpadas fluorescentes e mantenha tudo bem limpo.

Seguro multirriscos

Pode-se economizar energia de muitas formas, mas é também importante não pagar demais pelo seguro multirriscos. Para o efeito é recomendável fazer comparações entre os valores praticados pelas várias companhias de seguros. Tal como quando contratamos um seguro para o carro, o melhor é apostar nas companhias de confiança que lhe garantam boas condições, coberturas e a um preço razoável.

Água quente

São muito poucas as pessoas que gostam de tomar banho com água fria durante o inverno. Mas também não é preciso que a água esteja a ferver. A temperatura ideal da água para o duche é de 40ºC. Regule para essa temperatura para evitar aquecer a água e depois ter de a misturar com água fria. Isso seria um desperdício de energia (e dinheiro).
Ao economizar água, estaremos a economizar energia. A título de curiosidade, estima-se que a água quente represente cerca de 26% do consumo energético de uma casa.

Na cozinha

Cozinhar com uma panela de pressão e com pouca água representa uma poupança de 50 por cento da energia necessária para o efeito. Não abra a porta do forno se não for mesmo necessário, porque assim o calor pode escapar. Também não se deve usar o forno para aquecer ou descongelar. A melhor opção para cozinhar é o gás natural ou butano, mas é necessário manter em bom estado os bicos do fogão.

Ar condicionado

No verão é um clássico e um luxo. Mas atenção, antes de fazer um grande investimento comprando um aparelho de ar condicionado, pense muito bem se realmente precisa dele. Existem muitas possibilidades de refrigeração, mais baratas e ecológicas como exemplo toldos ou ventiladores. Feche as janelas e baixe as persianas durante as horas de maior calor e abra-as quando refrescar. Outro conselho muito importante é colocar o aparelho de ar condicionado numa área à sombra, já que se o colocar ao sol, o seu consumo será muito maior. Por último, mantenha os filtros do ar condicionado bem limpos e não o use com as janelas abertas.

Deixe o seu comentário

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...