Portugal, crise, negócios e oportunidades

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

oportunidadesUma das principais frases do mundo dos empreendedores é que é durante as crisesque surgem as melhores oportunidades de iniciar novos negócios. Embora a afirmação esteja correcta, nos tempos actuais de crise económica, quase todas as actividades produtivas estão praticamente paralisadas perante a perspectiva de uma economia em risco. Por isso e para todos os empreendedores e empresários, aqui deixo algumas das tendências a nível global, que os analistas e especialistas prevêem ter boas perspectivas para os próximos tempos, apesar da crise.

Embora a crise ainda vá durar algum tempo (no caso de não piorar ainda mais) são vários os especialistas que partilham a mesma opinião de quais irão ser as industrias que irão manter a tendência positiva apesar da crise: o turismo e a tecnologia.

O turismo deve manter-se estável, pois apesar de tudo, tanto em Portugal como no mundo não diminui a quantidade de viajantes e turistas. Será talvez mesmo uma boa possibilidade de iniciar empreendimentos sobre o sector.

Sobre a tecnologia, inovação e software, será a principal indústria que terá mesmo possibilidades de se expandir além-fronteiras, uma vez que a procura no sector tem tendência a manter-se e são mesmo necessário empreendedores para novas oportunidades de negócio que estão constantemente a aparecer.

Se bem que a falta de crédito agudiza a crise, o turismo e as novas tecnologias são boas opções e oportunidades de investimento. Assim houvesse outros sectores com as mesmas perspectivas. será você capaz de testar então a velha “máxima” de que é em tempos de crise que se fazem os melhores investimentos?

Deixe o seu comentário

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...