Investir em água, o investimento desconhecido

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

aguaVocê sabia que é possível investir em água? E mais ainda, que o investimento em água regista um aumento de 6% com uma volatilidade de apenas 6%?

Investir em água será talvez o investimento mais desconhecido de todos. Talvez porque quem investe em água não pretenda que o mundo inteiro saiba deste grande negócio. Falando teoricamente existem três tipos de clientes, a agricultura que consome 70%, o sector industrial com 20% e o residencial com o resto.

Uma grande vantagem dos investimentos em água é o facto dos países desenvolvidos terem infraestruturas velhas e obsoletas onde são desperdiçadas enormes quantidades de água. Por aqui está previsto que apenas nos próximos 25 anos seja necessário em investimento de um trilião de dólares.

Em 2000, a gestora suíça Pictet lançou o primeiro fundo de investimento exclusivamente dedicado à água. As rentabilidades deste produto têm superado sempre o desempenho do mercado de referência, permitindo rentabilizar o capital em 70% num prazo de três anos.

O investimento em água é mais eficaz através das acções de empresas do sector. E ainda mais eficiente se for feito de forma indirecta, precisamente através de fundos de investimento, uma vez que a compra directa das acções das empresas é mais cara e muito exigente no que diz respeito à análise de informação. O Pictet Water – disponível em Portugal através das várias plataformas electrónicas de banca como o ActivoBank, Banco Best e BIG Online – investe em empresas que actuam nas diversas áreas do sector: fornecimento e tratamento de água, tecnologia, serviços ambientais e água mineral. As principais referências neste mercado são as empresas que lideram as escolhas dos dois gestores deste fundo, com destaque para as francesas Suez e Veolia e a alemã RWE. As pequenas companhias norte-americanas – que actuam na esfera dos serviços públicos – também têm um peso importante nas carteiras deste fundo.

Deixe o seu comentário

SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...